Corinthians um passo para trás e dois para frente

Hoje Flamengo e Corinthians fizeram o primeiro duelo para uma vaga na final da Copa do Brasil. O jogo parecia jogo de time grande (Flamengo) contra time pequeno (Corinthians), os rubro negros tiveram praticamente toda a posse de bola, mas pouco fizeram ou acabaram parando nas mãos de Cássio, enquanto o Corinthians assustou duas vezes, nos chutes de Clayson e Douglas.

Mas o que gostaria de tratar aqui, é como o Corinthians reconheceu que é um time limitado, incapaz de assustar qualquer time grande hoje no Brasil e jogou como time pequeno, dando a posse de bola para o Flamengo e lutando por cada espaço no Maracanã. A estratégia deu certa, o empate foi conquistado com muito suor e agora a vaga será decidida na Arena Corinthians em Itaquera, onde o histórico de confrontos contra os rubro-negros é totalmente favorável ao time de Parque São Jorge, em resumo um passo para trás e dois para frente rumo a final.

Minha opinião é que é possível o Corinthians passar pelo Flamengo, ainda mais que a torcida rubro-negra fará uma tremenda pressão por resultados, já que os mesmos estão a tempos sem ganhar sequer par ou ímpar e isso será de grande valia para o Corinthians.

Lembrando que a Copa do Brasil é o único título que Cássio ainda não conquistou pelo Corinthians e aparentemente ele jogou com uma vontade ímpar de conquistar mais uma taça.

E você o que achou do jogo de hoje?

Abs,

Mauro Loureiro

Comentários do Facebook

Mauro Loureiro

Apaixonado por futebol, corinthiano de sangue e opção, capaz de passar horas assistindo a lances de Marcelinho Carioca (o maior do Corinthians), Ronaldo Fenômeno e Dida. Casado com Letícia e pai de três filhos, Danielly, Gabriela e Guilherme (esse era pra se chamar Cássio ou Ronaldo, mas a esposa não deixou). Seu time titular do Corinthians de todos os tempos é: Cássio, Alessandro, Gil, Gamarra, Kleber, Rincón, Paulinho, Ricardinho, Marcelinho, Tevez e Ronaldo. Você deve estar se perguntando onde estão Rivelino, Sócrates, Casagrande e etc.? Ele te responderia, pra entrar na história do clube tem que ter título. Pessoa de opinião forte, tente perguntar o que ele acha de Muricy Ramalho, Rivaldo, Figo e Botafogo. Desde fev/17 faz parte com cinco grandes amigos do Papo de Arquibancada.

Deixe uma resposta