A Bélgica é uma realidade!

Apesar de não apostar na Bélgica como possível campeã da Copa do Mundo (na minha opinião, a favorita a erguer a taça é a França!), tenho gostado muito de assistir aos jogos da Bélgica.

Já escrevi aqui antes sobre a fácil classificação no grupo G, juntamente com a Inglaterra. Na época, a dúvida era sobre quem ficaria em primeiro lugar no grupo. Com Inglaterra e Bélgica poupando jogadores na última rodada, deu Bélgica em primeiro. Com isso, se colocou no caminho do Brasil, que eliminou o México (leia aqui o post sobre o jogo).

No jogo de ontem contra os japoneses, a Bélgica fez um primeiro tempo morno, talvez sentindo a responsabilidade da vitória contra o Japão. No segundo tempo, surpresa total e bolões sendo quebrados: o Japão abriu 2 a 0 em 4 minutos, para espanto geral. O Globoesporte.com aproveitou para tirar um sarro:

(reprodução Globoesporte.com)

Confesso que estava na dúvida quanto à reação da Bélgica logo após o segundo gol japonês. Nada que uma jogada aérea não resolva. Com dois gols de cabeça, a Bélgica empatou o duelo em 5 minutos, e então o jogo ficou aberto.

Não seria o Japão a tirar a invencibilidade de até então 22 jogos dos belgas. A última derrota da Bélgica foi na estreia de Roberto Martinez, contra a Espanha, por 2 a 0. Após o jogo de ontem, são 18 vitórias e 5 empates. Nesta Copa do Mundo, 100% de aproveitamento. 12 gols marcados e 4 gols sofridos. A defesa é a segunda pior entre os times que avançaram para as quartas de final. O ataque é o melhor da copa.

Voltando ao jogo: após falta batida por Honda aos 48 do segundo tempo, Courtois espalmou para escanteio. Na cobrança, bola na mão de Courtois, que deu início a um contra-ataque de almanaque, que culminou com o gol de Chadli, após corta-luz perfeito do Lukaku.

Agora, um grande duelo nas quartas de final: Brasil x Bélgica. O Brasil tem, ao lado do Uruguai, a melhor defesa da Copa, com somente 1 gol sofrido. Vamos assistir como a melhor defesa se comporta diante do melhor ataque. Para mim, dá Brasil nas quartas. É esperar para ver!

Abraço!

Rafael Sugiyama

Comentários do Facebook

Rafael Sugiyama

Palmeirense fanático, analista de sistemas, casado com a mulher mais bonita do mundo, Camila, e pai do Arthur, da Giovanna, da Laura e da Maya, nossa golden. Amante de futebol, irrito muito a esposa com os jogos da série C ou da Copa Verde que gosto de assistir. Gosto de números e escrevo sobre tudo.

Deixe uma resposta