Thiago Silva capitão do Brasil: um péssimo Déjà vu!

Déjà vu é um galicismo que descreve a reação psicológica da transmissão de ideias de que já se esteve naquele lugar antes, já se viu aquelas pessoas, ou outro elemento externo. O termo é uma expressão da língua francesa que significa: “Eu já vi”.

Infelizmente eu e você caro leitor, já vimos esse filme antes, literalmente!

Thiago Silva será capitão da seleção brasileira contra a Costa Rica no decisivo jogo de amanhã. Um movimento de muita coragem de Tite e para mim uma grande loucura!!!

Essa escolha expõe o zagueiro para exercer um posto que já provou que não é capaz. Como esquecer os vários episódios de descontrole emocional de Thiago Silva, sendo o ápice ocorrido naquela disputa de pênaltis contra o Chile em 2014?

Apesar das restrições que tenho a vida pregressa do “professor Tite” no pequeno clube de Itaquera, eu o considero um excelente treinador e o nome certo para estar na Rússia porém a verdade é uma só: a braçadeira de capitão pouco vale nessa seleção do Tite! Um erro ABSURDO!!!

O Brasil sente falta de um capitão de verdade!

Não é uma simples braçadeira ou uma entrevista na véspera do jogo que irá resolver isso. Não temos um capitão definido e isso é péssimo! Neymar já provou que é mimado e não está no mesmo nível dos grandes capitães das seleções que disputam esse mundial.

Essa braçadeira deveria ser mais respeitada, mais valorizada.

A seleção tem uma história vitoriosa, feita por gente que estava à altura dessa faixa que carregava no braço. Não deveria ser usada por qualquer um, nem por quem já teve a chance e fez vergonha, fez papelão!

Eu acho que Thiago Silva não tem mais condição de ser capitão da seleção brasileira. E não é por causa do choro!

Bons líderes podem demonstrar fraqueza, não vejo problema nisso. Para mim, a condição de capitão dele foi totalmente prejudicada quando ele teve uma postura lamentável reclamando de ter perdido a braçadeira para Neymar no pós-Copa 2014. Isso, para mim, foi mais grave que o descontrole contra o Chile.

Para mim, a braçadeira hoje deveria ser dada a Casemiro, Marcelo ou Miranda. E não de forma rotativa, mas sim definitiva, impondo novamente o respeito que Bellini, Mauro, Carlos Alberto Torres, Dunga e Cafu tiveram ao levantar a taça mais importante do futebol mundial!

Image result for capitães do brasil nas copas

Mas Tite sabe mais do grupo do que eu, logicamente….

Abraços,

Fernando Michelutti.

Comentários do Facebook

Fernando Michelutti

São Paulino desde 30 de maio de 1982 - O São Paulo Futebol Clube foi, e continua sendo, sua primeira paixão na vida. É fanático por futebol e se deixar assiste até a 6° divisão do campeonato inglês naquele sábado chuvoso com direito a mesa redonda e replay dos gols. Tem como hobby colecionar camisas de clubes nacionais e internacionais, além de visitar estádios e sedes de clubes sempre que esta viajando ao redor do globo. É casado com a Santa Raquel - que nunca foi enganada sobre seu primeiro amor. Também é pai da Duda, do Dani e do Pedro - uma nova geração de são paulinos que vem forte rumo ao Hepta. Agora, junto com grandes amigos, também é blogueiro aqui no papo de arquibancada!

Deixe uma resposta